A cidade-Estado de Singapura tem-nos habituado a complexos residenciais que misturam o luxo com inovações ligadas à sustentabilidade, numa equação que inclui ainda qualidade de vida e muitos jardins que possibilitam um início ou final de dia descontraído.

O novo projeto habitacional SkyHabitat, que será construído no bairro de Bishan, não fugirá a esta equação. Desenhado pela Safdie Architects, o edifício vai responder a um dos principais problemas da cidade – falta de espaço – com uma solução que funde a vida em comunidade – e qualidade – com uma arquitetura que permite uma grande densidade de habitantes.

O SkyHabitat tem vários espaços comuns ligados ao lazer, entretenimento e interação entre os vários residentes, desde piscinas para adultos e crianças, courts de ténias, áreas de churrasco, salas de karaoke e um ginásio. Tudo para alcançar uma vida comunitária que se consubstancia em pontes – reais – entre as várias torres do condomínio. Estas pontes têm outra função: assegurar a ventilação natural e distribuição de luz natural por todos os apartamentos.

De acordo com o Inhabitat, o complexo tem ainda vários terraços e jardins, o que permite alguma qualidade de vida a um projeto imobiliário com 61.000 metros quadrados e 509 apartamentos, distribuídos em torres de 38 andares. O SkyHabitat tem apartamentos que vão do T2 ao T4.

Fonte: Green Savers.