Um dos pontos inovadores do Plano Diretor de Atibaia, que passa por um processo de revisão e atualização, é a relação de suas diretrizes com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas – ONU. São 17 objetivos e 169 metas definidos por 193 líderes mundiais, em 2015, e que devem ser implementados por todos os países até 2030.

Imagem: Reprodução

Um Grupo de Trabalho que reúne integrantes da Coordenadoria Especial de Planejamento Estratégico, da Secretaria de Planejamento e Finanças e do Controle Interno da Prefeitura da Estância de Atibaia tem recebido consultoria da Frente Nacional de Prefeitos – FNP e da Fundação Abrinq, por meio da Rede Estratégia ODS do Brasil, para definir indicadores e metas do Plano Pluarianual do município relacionando os programas e ações aos ODS.

Esse trabalho foi iniciado com a Secretaria de Saúde, setor piloto na fase de definição de indicadores para medir o alcance das metas pela Prefeitura. Na sequência, o mesmo trabalho será realizado com outras pastas da Administração Municipal.

Imagem: Reprodução

Em setembro, o prefeito da Estância de Atibaia, Saulo Pedroso de Souza, assinou o termo de adesão ao Projeto de Fortalecimento da Rede Estratégia ODS, que indica ao município priorizar a agenda de desenvolvimento sustentável proposta pela ONU.

Com o termo de adesão assinado, o município assume uma série de compromissos, como: disseminar a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável; mobilizar e articular atores-chave de organizações públicas, privadas e da sociedade civil para engajamento na implementação dos ODS; disponibilizar equipe e condições para o desenvolvimento das atividades do projeto; integrar a Estratégia ODS – Termo de Adesão à Estratégia ODS; e implementar os ODS em um instrumento de planejamento ou desenvolver ações ou projetos para alcance dos ODS e de suas metas.

Imagem: Reprodução

Informações à Imprensa: Prefeitura de Atibaia

Deixe uma resposta