Você entraria em uma piscina sabendo que a água está suja ou, pelo menos, não está tão limpa quanto você gostaria? Provavelmente você já venha fazendo isto rotineiramente – ao menos é o que acreditam a engenheira Mihri Ozkan e seus colegas da Universidade da Califórnia em Riverside, nos EUA.

Com essa despreocupação dos banhistas em mente, Ozkan e seus colegas inventaram um sutiã que ajuda a limpar a água da piscina.

Mihri Ozkan e Colegas

O traje de banho funciona de forma parecida com um coador de café, possuindo uma estrutura flexível com encaixe para um filtro, que pode ser trocado conforme a água da piscina é “coada” e satura o filtro.

A vantagem do sutiã filtrante é que o filtro é reutilizável.

Ele é feito com uma espécie de açúcar, chamada sucrose, que possui uma estrutura altamente porosa que é super-hidrodrofóbica, ou seja, repele fortemente a água – mas é muito bom em absorver outros contaminantes. O material esponjoso pode absorver até 25 vezes seu próprio peso em contaminantes, que podem ser liberados aquecendo o material a cerca de 1.000º C.

O material esponjoso pode absorver até 25 vezes seu próprio peso em contaminantes. [Imagem: UC Riverside/Eray Carbajo]

“Este é um supermaterial que não prejudica o meio ambiente e é muito barato para ser produzido,” disse Ozkan, que estava inicialmente tentando desenvolver filtros para capturar óleo derramado no mar e outros vazamentos de produtos químicos.

Fonte: Site Inovação Tecnológica