Inaugurado em 15 de dezembro de 1966, o Museu Municipal ”Oswaldo Russomano”, desde a década de 80, está instalado em  um dos mais belos prédios históricos da cidade. Desta forma, a visita ao museu já começa do lado de fora.

Tombado pelo Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural do município, o imóvel preserva o estilo colonial de sua construção, que data de 1896. Edificado, com material de acabamento importado da Europa, no esplendor do ciclo do café na região bragantina (final do Império e início da República), foi utilizado como residência do Coronel Afonso Olegário Ferreira Pinto e sua esposa Dona Maria Salomé de Leme Ferreira. Também abrigou o primeiro Jardim de Infância de Bragança, cartório eleitoral, ginásio industrial e biblioteca municipal.

Considerado como um dos mais bem organizados museus históricos municipais do estado, possui um acervo próprio, com aproximadamente 3 mil peças. São objetos que retratam a época dos barões do café, os constitucionalistas, a ocupação indígena do Guaripocaba, escravidão, segunda guerra mundial, arte sacra, Câmara Municipal, música, moda antiga universo doméstico, estrada de ferro bragantina e esculturas. Além das exposições permanentes e temáticas reserva um espaço apropriado para mostras temporárias.

Localizado na rua Cel. João Leme, n° 520 (Centro), funciona de terça à sexta-feira, das 9h às 17h. Já aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h. As visitas são monitoradas.


Fonte: www.guiadebraganca.com.br