Nesta semana, a Casa Viva Piracaia reabre suas portas com espaço ampliado e novidades na programação. Neste sábado, 01 de setembro, a programação começa com o show “Declaração”, com a cantora e compositora Aretha Marcos, que revisita sua carreira artística com graça e leveza, trazendo composições inéditas e novas realizações em um show que expressa sua força da natureza em transformação. Aretha se apresenta na companhia do guitarrista Estevan Sinkovitz, além de tocar violão e tambor. A apresentação tem direção de Ana Thomaz. O show começa 21h30 e o couvert artístico é 20 reais.

Na próxima semana, começa a Mostra de Cinema da Casa Viva Piracaia, com curadoria do fotógrafo Leonil Júnior. As exibições acontecerão toda primeira quinta-feira do mês, com exibição de filmes e bate-papo. No dia 6, o projeto estreia com o doc “As hiper mulheres”. O filme é um registro sobre o Jamurikumalu, o maior ritual feminino do Alto Xingu (MT). As mulheres do grupo começam os ensaios enquanto a única cantora que sabe todas as músicas se encontra muito doente. Na mesma noite acontece a abertura oficial da exposição de xilogravuras “Piratininga para Piracaia”, do artista plástico Renato Hofer, às 19h30, com entrada gratuita.

Sexta (07) tem o primeiro show do “Festival Violas Vivas”, uma programação especial dedicada à viola caipira, que conta com violeiros
do interior de São Paulo e tem a curadoria de João Arruda. Para começar, tem show com o violeiro Noel Andrade, nascido em Patrocínio Paulista (SP). Em sua trajetória artística, já se apresentou ao lado e junto de grandes nomes da música nacional como Pena Branca, Pereira da Viola, Chico Lobo, Zé Gomes, Inezita Barroso, Renato Teixeira, Saulo Laranjeira, Sá e Guarabyra e Paulo Freire. É a partir das 21h30 e o couvert é 20 reais.

Sábado (8), o músico Alexandre Mihanovich volta à Casa Viva. Alexandre iniciou seus estudos no Clam, escola fundada pelo Zimbo Trio nos anos 70, e estudou música clássica com o novaiorquino Thomas Lawrence Toscano. Tido como um dos melhores guitarristas de jazz da capital, é também produtor, compositor e arranjador, tendo feito arranjos para a Jazz Sinfônica, a Banda Sinfônica, a OSESP e a  ́Orquestra Polifônica Siciliana (Sicília), além de big bands de SP, a partir das 21h30, e o couvert artístico é 25 reais. Mais informações em breve!

Serviço
Casa Viva Piracaia
Pça. Júlio Mesquita, 56 (ao lado da Igreja Matriz) Piracaia SP
Horário: de quinta a domingo, a partir das 19h
Telefone: 11 4036-7252
Reservas: 11 97292-7641 (WhatsApp/SMS/Vivo)

Deixe uma resposta